Programação/ Exposição

Niterói recebe evento de artes no próximo sábado

(Clique na imagem para ler)

Imagem: Divulgação/ Carlos Eduardo Borges

Programação/ Teatro/ Ópera

Último dia para ver Romeu e Julieta no Theatro Municipal


Hoje (26), a partir das 17h, acontece a última apresentação da ópera 'Romeu e Julieta', de Charles Gounod, no  Theatro Municipal do Rio de Janeiro. O espetáculo, que não era apresentado na Cidade Maravilhosa desde 1953, ficou em cartaz durante o mês de setembro no local.

Com 250 artistas em cena, a ópera traz nos papéis principais a soprano brasileira Rosana Lamosa e o tenor brasileiro Atalla Ayan. A  direção cênica e a concepção cenográfica é da presidente do Teatro, Carla Camurati.

Os ingressos estão à venda pelo site Ticketronic: Frisa e camarote, R$84,00 (por assento); Plateia e Balcão Nobre, R$84,00; Balcão superior, R$60,00 e  Galeria, R$25,00.

O Theatro Municipal do Rio de Janeiro fica na Cinelândia: Praça Floriano, s/nº

Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Picasso & Braque vão ao cinema

De Arne Glimcher. Estados Unidos, 2008. 62min.


"A revolução tecnológica do início do século XX, marcada pela invenção da aviação e do cinema, teve influência direta nos rumos da arte, especialmente no trabalho dos artistas Pablo Picasso e Georges Braque. Desta forma, o cinema dos primórdios, representado por figuras centrais como Thomas Edison e os irmãos Lumière, carregaria uma relação essencial com a pintura moderna, especialmente o cubismo. A hipótese é discutida por diversos acadêmicos e artistas, na tentativa de entender a efervescência artística e cultural do começo do século a partir da convergência entre o cinema e a pintura."*

Horários de exibição:

30/9 - Cine Glória, às 18:30

03/10 - Oi Futuro em Ipanema, às 20:00
 
*Texto e Imagem: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Milton Glaser: Para sua informação e deleite

De Wendy Keys. Estados Unidos, 2008. 73min.


"O artista gráfico americano Milton Glaser se tornou célebre por sua participação na fundação da revista New York Magazine e por seu suporte à campanha I NY. Mas para além destes feitos midiáticos, a obra deste prolífico artista apresenta uma grande amplitude. Seu estilo está presente não apenas em seu trabalho com o design de revistas e jornais, mas também na decoração de interiores, na criação de logos, de estampas, pôsteres e pinturas. Acompanhando Glaser em seu dia-a-dia, o filme revela ao mesmo tempo sua simplicidade e calor humanos e sua genialidade e criatividade."*

Horários de exibição:

27/9 - Oi Futuro em Ipanema, às 16:00 e às 20:10

02/10 - Cine Glória, às 14:00
*Texto: Divulgação


Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

O verde crescerá sobre suas cidades

De Sophie Fiennes. Reino Unido / França / Holanda, 2010. 101min.

"Em 1993, o artista plástico Anselm Kiefer deixou Buchen, cidade onde vivia na Alemanha, para ir ocupar La Ribaute, um complexo industrial abandonado no Sul da França. A partir daí, começou a interferir neste espaço construindo mega-instalações compostas por prédios, tunéis, lagos e pontes. Sob a sua supervisão, seis assistentes do artista trabalhavam diariamente operando maquinária pesada para levantar gigantescas telas e complexas esculturas. Observando atentamente este trabalho, o filme busca relacionar-se de maneira íntima com a matéria e as ferramentas do artista."*

Horários de exibição:
05/10 - Oi Futuro em Ipanema, às 20:00

06/10 - Estação Botafogo 3. às 13:30 e às 17:30

07/10 - Cine Glória, às 14:00
*Texto e Imagem: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

A Incrível leveza dos predios do Mr Foster

De Norberto López Amado, Carlos Carcas. Reino Unido/ Espanha, 2010. 78min.

"Norman Foster figura entre os mais importantes arquitetos modernos do mundo. Autor de edifícios como a Torre Hearst em Nova York, o aeroporto de Hong Kong e o novo Reichstag de Berlim, seu trabalho é marcado pela busca de qualidade de vida através do design. Da infância como filho de classe operária nas proximidades de Manchester, passando pela formação na Escola de Arte e Arquitetura de Yale, a trajetória do arquiteto parece culminar num experimento único no mundo: a cidade auto-sustentável de Masdar, em Abu Dhabi, modelo para as cidades do futuro."*

Horários de exibição:

30/9 - Cine Glória, às 15:30

02/10 - Estação Botafogo 3, às 13:30 e às 17:30

06/10 - Oi Futuro em Ipanema, às 20:00

07/10 - Cine Glória, às 18:00
 
* Texto  e Imagem: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Jean-Michel Basquiat: a criança radiante

De Tamra Davis. Estados Unidos, 2009. 90min.


"Jean-Michel Basquiat iniciou sua carreira artística na década de 1970, grafitando paredes e muros no Lower East Side de Manhattan. Em 1981, pintou sua primeira tela, e pouco depois já era internacionalmente reconhecido, e admirado por leigos e especialistas. Tamra Davis, amiga do artista, realizou diversos registros de Basquiat praticando sua arte, assim como uma longa entrevista em que falava de suas motivações e ideais. Tempos depois, ela decide recuperar o material e, acrescendo-o do relato de amigos e colegas, elaborar esta homenagem.

Horários de exibição:
26/9 - Estação Botafogo 3, às 15:30 e às 19:30

30/9 - Cine Glória, às 20:00
*Texto: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Fragmentos de um diário

De Marco Martins, André Príncipe. Portugal, 2010. 90min.

"Concebido como uma espécie de diário de viagem ou caderno de notas, o filme apresenta o encontro dos diretores com alguns dos mais significativos fotógrafos japoneses contemporâneos. Conversando sobre as obras, eles propõem uma reflexão sobre a natureza da criação de imagens e da narração de histórias, além do próprio processo do diário. Pois, acima do tema, está o registro artístico do filme, que se inspira no trabalho dos retratados para criar uma visão pessoal de alguns dos mais importantes fotógrafos atuais e dos espaços que eles fotografam."*

Horários de exibição:

28/9 - Cine Glória, às 16:00

30/9 - Oi Futuro em Ipanema, às 16:00 e às 20:00

01/10 - Estação Botafogo 3, às 13:30 e às 17:30

*Imagem e texto: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Rem Koolhaas: um arquiteto único

De Markus Heidingsfelder, Min Tesch. Alemanha, 2008. 97min.

"O arquiteto holandês Rem Koolhaas, um dos mais solicitados do mundo, recebe convites para projetar construções de ponta nos mais diversos lugares, a exemplo da Embaixada Holandesa em Berlim, da biblioteca de Seattle, da Casa da Música no Porto e do Museu Guggenheim Heritage em Las Vegas. Com seu estilo visionário, marcado por inovadoras teorias a respeito da arquitetura e da sociedade urbana, acredita que a arquitetura deve ser acompanhada de outras formas de intervenção. O filme expõe também de forma inventiva e provocadora as idéias deste ávido comentador social."*

Horários de exibição:

26/9 - Estação Botafogo 3, às 13:30 e às 17:30

Imagem e Texto: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Chuck Close: vida e obra do pintor que reinventou o retrato

De Marion Cajori. Estados Unidos, 2007. 116min.


"O pintor contemporâneo Chuck Close ganhou o mundo da arte por sua reinvenção do retrato. Desde a sua primeira exposição, em 1969, na Bykert Gallery em Nova York, sua técnica chamou a atenção de críticos e artistas. Enquanto fala de sua trajetória pessoal, o vemos criar um auto-retrato pintado a partir de uma Polaroid. Em paralelo, amigos, artistas e familiares discutem sobre seu próprio trabalho e sua relação com a obra de Close, contribuindo para a compreensão da influência que o retratista teve em sua geração, ao transcender categorias como realismo, processo e abstração."*

Horários de exibição:

28/9 - Estação Botafogo 3, às 13:30 e 17:30

29/9 - Oi Futuro em Ipanema, às 16:00 e às 20:00 e Cine Glória, às 20:00

*Imagem e texto: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Pixo

De João Wainer, Roberto T. Oliveira. Brasil, 2009. 61min.

"É perigoso. É ilegal. Está se espalhando... Pixo é um documentário que segue a rotina frenética desses jovens anarquistas por São Paulo, a maior cidade do Brasil, e revela os dois lados do movimento. É arte? Vandalismo? Ou só uma necessidade incontrolável de ser notado?"*

Horários de exibição:

26/9 - Oi Futuro em Ipanema, às 20:00

28/9 - Estação Botafogo 3, às 15:45 e às 19:45

30/9 - Cine Glória, às 17:00
 
*Texto: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Louise Bourgeois: a aranha, a amante e a tangerina

De Marion Cajori, Amei Wallach. Estados Unidos, 2008. 99min.


"A artista plástica francesa Louise Bourgeois, falecida em maio de 2010 aos 98 anos, produziu uma extensa obra de vanguarda e transgressão ao longo de seis décadas, tornando-se um ícone da arte moderna. Seu trabalho, extremamente pessoal, é fruto de um processo ritualístico de transformar memórias e dores em objetos e instalações. Registrada em diversos encontros em seu ateliê em Nova York, de 1993 a 2007, a magnetizante e emotiva Bourgeois não apenas expõe sua forma de trabalho como fala sobre os traumas de infância que inspiraram suas obras inventivas e desconcertantes."*

Horários de exibição:

27/9 - Estação Botafogo 3, às 13:30 e às 17:30

28/9 - Oi Futuro em Ipanema, às 16:00 e às 20:00

07/10 - Cine Glória, às 16:00
 
*Texto: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Preto, branco e cinza: um retrato de Wagstaff e Robert Mapplethorpe


De James Crump. Estados Unidos / Alemanha, 2007. 78min.

"Durante as décadas de 70 e 80, a cena artística nova-iorquina fervilhava com o espírito de renovação. Acolhido pelo curador de arte Sam Wagstaff, Robert Mapplethorpe se tornaria uma das figuras essenciais deste processo, com suas fotografias impactantes. Wagstaff catapultou o jovem Mapplethorpe de sua vida suburbana no Queens para o centro da arte americana, dando-lhe uma câmera e fazendo dele seu amante. Mapplethorpe, por outro lado, lhe apresentou ao mundo das drogas e do sexo livre. Formando um potente trio com a cantora Patti Smith, o casal compartilhou uma existência simbiótica e vital."*

Horários de exibição:

30/9 - Estação Botafogo 3, às 13:30 e às 17:30

07/10 - Oi Futuro em Ipanema, às 16:00 e às 20:00

Classificação Indicativa: 14 anos

*Texto e Imagem: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

O universo de Keith Haring

De Christina Clausen. Itália / França, 2007. 82min

"Keith Haring, artista pop criador cuja máxima era “a arte é para todos”, foi um dos grandes ícones da cena novaiorquina dos anos 70 e 80, transitando ao lado de pessoas como Madonna, Jean-Michel Basquiat e Andy Warhol. Seu interesse pela cultura pop remonta à sua infância numa pequena cidade da Pensilvânia, quando começou a desenvolver uma forte relação com o desenho. Mesclando músicas da época, fotografias e trechos de entrevistas com o próprio Haring, além do depoimento de amigos, é traçado um retrato íntimo e afetuoso da trajetória de um dos mais significativos artistas do século XX."*

Horários de exibição:

26/09 - Oi Futuro em Ipanema, às 18h

30/09 - Cine Glória, às 14h
Imagem e Texto: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Obsceno: o retrato de Barney Rosset e Grove Press

De Neil Ortenberg, Daniel O’Connor. Estados Unidos, 2007. 97min.

"Barney Rosset foi um dos maiores editores norte-americanos do século XX e uma figura de influência cultural decisiva, embora de reputação discreta. Proprietário da editora Grove Press e editor chefe da revista Evergreen Review, teve uma carreira tumultuosa, pautada pelo engajamento político. Levando aos Estados Unidos obras literárias consideradas subversivas, liderou batalhas judiciais contra a censura oficial de conteúdos ditos “obscenos”. Sua luta pela liberdade de expressão lhe causou diversas complicações na vida pessoal, entre processos, ameaças de morte e vigilância governamental."*

Horários de exibição:

26/09 - Oi Futuro em Ipanema, às 20:00

28/9 Cine Glória, às 20:00
 
Classificação indicativa: 16 anos
 
*Texto e Imagem: Divulgação

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

5+5+

De Rodrigo Lamounier. Brasil, 2010. 52min.


"Seguindo o passado e o presente de uma serigrafia produzida em 1967 pelo artista Carlos Vergara, o documentário revela aspectos mundanos da arte, explorando o papel da obra de arte na vida do artista, do marchande do comprador, sem entrar em complicadas formulações teóricas. O filme questiona os valores do mundo da arte, trazendo esse universo à esfera pessoal. Faz parte da série “Retratos Contemporâneos da Arte”."*

Horários de Exibição


27/9 - Estação Botafogo 3, às 15:30 e às 19:30
*Texto e imagem: Divulgação

Clipe de Domingo

Diga não a imprudência no Trânsito


A música "O Dia que não terminou" faz parte do segundo CD da banda carioca Detonautas Roque Clube, Roque Marciano, lançado em 2004. O videoclipe da canção mostra acidentes causados por imprudência no trânsito. O Detran utiliza o vídeo no projeto TRÂNSITO RESPONSÁVEL NA ESCOLA, no qual Tico Santa Cruz é padrinho. 

A banda Detonautas se conheceu pela Internet em 1997. Em 2002, lançaram o primeiro álbum: Detonautas Roque Clube, sucedido por Roque Marciano (2004) e Psicodeliamorsexo&distorção (2006). Já em 2008, "dois anos após a morte do guitarrista Rodrigo Netto, a banda saiu da sua gravadora, Warner, e assinou um contrato com a Sony. No mesmo ano, eles entraram novamente em estúdio para gravarem o seu quarto disco: O Retorno de Saturno. Ao contrário do disco anterior, este contém uma influência mais leve e acústica. O disco contém canções como "O Retorno de Saturno" e "Verdades do Mundo", uma homenagem ao amigo falecido." * O nome Detonautas é resultado da fusão entre as paalvras Detonadores e Internautas.

* Trecho entre aspas: Wikipédia

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010

2012: TEMPO DE MUDANÇA


"2012: Time for Change" de João Amorim. Estados Unidos / Brasil / França / México/ Suíça, 2010. 85min.

"As profecias maias a respeito de um apocalipse global em 2012 são o ponto de partida para o livro de Daniel Pinchbeck, 2012: The Return of Quetzalcoatl, que propõe um novo paradigma que integre a sabedoria arcaica das sociedades tribais com o método científico. Para ele, o homem pode redesenhar a sociedade pósindustrial a partir de princípios ecológicos. Nesta cultura planetária regenerativa, a colaboração substituiria a competição e a exploração da psiquê e do espírito, o materialismo estéril das atuais sociedades. Elaboradas animações embalam o debate conduzido por cientistas, antropólogos e artistas engajados."*

Horários de exibição:

28/9 - Centro Cultural da Justiça Federal, às 16:30
29/9- Espaço de Cinema 3, às 18:00

01/10 - Estação Vivo Gávea 4, às 13:20 e às 19:50 
*Texto: Divulgação/ Assessoria de Imprensa

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010

Exposição sobre Roman Polanski em cartaz no Festival do Rio 2010


A mostra gratuita Polanski está em cartaz dentro do Festival do Rio 2010. Além de fotografias e cartazes dos filmes que Polanski dirigiu e atuou - como “O bebê de Rosemary”, “O Pianista” e “Chinatown” - o público pode assistir a seis curtas do prestigiado diretor e um documentário no Galpão da Cidadania. As sessões ocorrem sempre às 17h, nos dias 26, 28 e 30 de setembro e 1 e 3 de outubro.  Em seguida, às 18h30, ocorrem debates sobre a obra do diretor. 
"A exposição procura que o espectador entre em contato com a carreira do cineasta de maneira cronológica, desde os primeiros filmes universitários até o seu último lançamento, “O Escritor Fantasma”. Para complementar, o público visitante acompanhará discussões sobre vários aspectos de seu trabalho, sob a ótica de críticos de cinema, jornalistas, e figurinistas e psicanalistas.", explica o release recebido pelo Sete Artes.
Programação: Debates
26/09 - “O Mal em Polanski”, com os críticos Rodrigo Fonseca e Mario Abbade

28/09 -  “O cinema de Polanski. Transgressão, perversão, diversão: as muitas faces de um rebelde”, com a crítica Susana Schild.

29/09 - “O Segundo original”, a abordagem das adaptações para teatro, com a diretora teatral Celina Sodré.

01/10 - “O figurino nos filmes de Polanski”, com a figurinista Lessa de Lacerda

03/10 - “Polanski: um estrangeiro e os estranhos como “facas na água”, com o psicanalista Luis Fernando Gallego

Imagem: Autoria Desconhecida

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Documentários no Festival do Rio homenageiam artistas plásticos




Não é só de cinema que vivem as duas semanas do Festival do Rio 2010. A mostra Itinerários Únicos é dedicada às artes plásticas. Nela haverá exibição de 14 documentários sobre artistas que marcaram o século XX, como Pablo Picasso e Georges Braque.
"Anualmente, o Festival do Rio transforma o Rio de Janeiro na capital mundial do cinema. São duas semanas em que a cidade é tomada pelo maior evento audiovisual da América Latina, evidenciando a importância cultural e econômica do setor: estimulando a indústria, promovendo a cidade e oferecendo à população acesso ao melhor da produção cinematográfica mundial. Mais de 300 filmes, muitos dos quais nunca chegarão ao circuito comercial, confirmam a importância do Festival do Rio e sua vocação como porta de entrada para o cinema na América Latina", destaca o release do festival, que termina no próximo dia 07.
Confira os documentários participantes da Itinerários Urbanos no Festival do Rio 2010:  

  • 5+5+, de Rodrigo Lamounier
  • Obsceno: o retrato de Barney Rosset e Grove Press, de Neil Ortenberg e Daniel O¿Connor
  • O universo de Keith Haring, de Christina Clausen
  • Preto, branco e cinza: um retrato de Wagstaff e Robert Mapplethorpe, de James Crump
  • Louise Bourgeois: a aranha, a amante e a tangerina, de Marion Cajori e Amei Wallach
  • Pixo, de João Wainer e Roberto T. Oliveira
  • Chuck Close: vida e obra do pintor que reinventou o retrato, de Marion Cajori
  • Rem Koolhaas: um arquiteto único, de Markus Heidingsfelder e Min Tesch
  • Fragmentos de um diário, de Marco Martins e André Príncipe
  • Jean-Michel Basquiat: a criança radiante, de Tamra Davis
  • Incrivel leveza dos predios do Mr Foster, A, de Norberto López Amado e Carlos Carcas
  • O verde crescerá sobre suas cidades, de Sophie Fiennes
  • Milton Glaser: Para sua informação e deleite, de Wendy Keys
  • Picasso & Braque vão ao cinema, de Arne Glimcher
Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Cinema/ Festival do Rio 2010/ Artes Plásticas

Vik Muniz no Festival do Rio


Na próxima quinta-feira (30), às 17h, será exibido o documentário premiado Berlim "Lixo Extraordinário", de Lucy Walker, João Jardim e Karen Harley, no Galpão da Cidadania, no Centro. Logo após a exibição, às 18h30, haverá um debate entre os diretores Karen Harley e João Jardim, o artista plástico Vik Muniz e  o catador Tião Santos mediado pela jornalista Isabel de Luca.

Filmado ao longo de quase três anos, o longa acompanha a visita do artista plástico Vik Muniz a um dos maiores aterros sanitários do mundo: o Jardim Gramacho.



Confira os horários de exibição do longa no Festival do Rio 2010:

Quarta-feira - 29/9: Odeon Petrobras, às 19:30

Quinta-feira - 30/9: Pavilhão do Festival, às 15:00 e Estação Vivo Gávea 1, às 13:50

Quarta-feira - 06/10: Cinema Nosso, às 17:00, Ponto Cine, às 20:00 e Estação Vivo Gávea 1, às 20:20

O Galpão da Cidadania fica no Centro Cultural da Ação da Cidadania: Rua Barão de Tefé, nº 75, Centro

Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Exposição

Ana Holck no Chácara do Céu


A artista Ana Holck apresenta suas obras no Museu Chácara do Céu até o dia 13 de dezembro nos seguintes horários: clique aqui

"Para a exposição, a escultora elaborou um tridimensional articulado,uma mini-escultura usável: um colar ou uma jóia – mesmo que elaborada em chapa de latão e ladrilho. E é aí que Ana Holck incrementa a relação entre o comprador de uma obra de arte e a própria obra: nada de ficar olhando para ela. O corpo servirá,literalmente, de suporte para a peça!", explica o release recebido pelo Sete Artes.

O Museu Chácara do Céu fica em Santa Teresa: Rua Murtinho Nobre, nº 93
Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Exposição

Salas e abismos




A exposição Salas e Abismos, do contemporâneo Waltercio Caldas está em cartaz no Museu de Arte Moderna (MAM) do Rio até 31 de outubro.
"Salas e abismos foi apresentada com nove trabalhos em uma exposição em Vila Velha, no ano passado. No Rio, chega ampliada e mostra pela primeira vez os quatro últimos módulos da “Série Veneza”, concebida por Waltercio em 1997, para a 47ª Bienal de Veneza. Na Itália, por questões de espaço, só foram exibidos os quatro primeiros módulos da obra. “O jogo do romance”, “Quarto amarelo” e “Esculturas para todos os materiais não transparentes” são os trabalhos que não fizeram parte da exposição no Espírito Santo e que completam a mostra no Rio de Janeiro.", explica o release recebido pelo Sete Artes.
A mostra está em cartaz nos seguintes horários: de terça à sexta, de 12h às 18h; sábados, domingos e feriados, de 12h às 19h.

O Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro  fica no Flamengo: Av Infante Dom Henrique, nº 85

Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Exposição

Wesley Duke Lee




Esta é a última chance para conferir a mostra que a Pinakotheke Cultural apresenta, até o próximo sábado (02), em homenagem a um dos criadores do Grupo Rex, Wesley Duke Lee. 

Cerca de 60 obras integram o tributo ao artista- homenageado pela última vez em 1992. Além das obras, uma publicação de 160 páginas, com textos de Tomaz Souto Correa, Nelson Leirner, Antonio Dias, Carlos Vergara, Maria Cecília Gismondi e Cacilda Teixeira da Costa, acompanha a exposição.

A mostra está em cartaz de segunda à sexta, de 10h às 18h e aos sábados, de 10 às 16h.

A Pinakotheke Cultural fica em Botafogo: Rua São Clemente, nº 300 

Programação/ Exposição

Por um fio

Sem título (1973). Técnica mista sobre papel. 45x45cm

A mostra Por Um Fio, da artista plástica Ana Maria Maiolino, está em cartaz na Galeria Mercedes Viegas Arte Contemporânea até 30 de outubro nos seguintes horários: de segunda à sexta, de 12h às 20h e aos sábados, de 16h às 20h.
"Anna Maria Maiolino iniciou sua trajetória pela xilogravura, na incisão do buril que escava a madeira, para descobrir os espaços negativos. Mas logo transitaria por vários meios e experimentações: das gravuras e desenhos à fotografia, dos filmes às instalações", conta Marisa Flórido no release recebido pelo Sete Artes.
A Mercedes Viegas Arte Contemporânea  fica na Gávea: Rua João Borges, nº 86
Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Exposição

Chromophilia



Em cartaz pela primeira vez no Rio de Janeiro, a exposição Chromophilia traz obras produzidas pelo artista plástico David Batchelor na década de 90. Obras tridiemensionais feitas com objetos cotidiano e cores industriais foram selecionadas pelo curador Paulo Venâncio Filho para compor a mostra.

Chromophilia ocupa quatro salas do Paço Imperial,  com 100 desenhos e uma projeção de slides da série Found Monochromes.

A exposição fica em cartaz até 30 de outubro, de terça a domingo, de 12 às 18h. 

O Paço Imperial fica no Centro : Praça XV de Novembro, nº 48

Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Rio Antigo/ Exposição

Galeria Imaginário recebe artistas na próxima terça (28)



Imagem: Divulgação/ Raimundo Rodriguez

Música

Bleffe lança videoclipe


A banda carioca Bleffe lança, no mês que vem, o clipe da música “Tarde Demais”. A canção, que já foi executada no quadro "Garagem do Faustão", do dominical de Fausto Silva, conta com mais de dois mil downloads.
"Todo feito em animação, o vídeo conta a história de um fim de relacionamento e seus dilemas. Produzido por Pedro Inrowllings ("Chico Xavier - O Filme" e "Clara en Foodland"), o clipe é fruto de um prêmio que o quarteto carioca ganhou do projeto Conexão Vivo em 2009", destaca o texto de Ary Marmo recebido pelo Sete Artes.
A banda lança o vídeo, primeiramente, na internet com o intuito de "criar uma rede colaborativa e divulgar o clipe para o maior número de pessoas possíveis".
"Formada por Christian Garcia (voz - violão), Alex Borges (guitarra - vocais), Cristiano Cokada (bateria - vocais) e Dan Lucasta (baixo), o Bleffe surgiu em 2002 e desde então tem se destacado no cenário idependente carioca por suas músicas autorais e releituras de grandes sucessos do pop-rock e da MPB", finalisa o texto.
Leia a entrevista com o vocalista da banda aqui.

Imagem: Reprodução de Internet

Programação/ Exposição

Ferreira Gullar no IMS

Mais informações aqui.

Imagem: Divulgação

Programação/ Exposição

Sandback: o espaço nas entrelinhas


Fred Sandback. Study Two Part Vertical Construction (1986)

O Instituto Moreira Salles recebe até 24 de outubro a mostra 'Fred Sandback: o espaço nas entrelinhas'. A exposição aborda a trajetória do norte-americano Fred Sandback (um dos maiores artistas contemporâneos do mundo) com esculturas, desenhos, gravuras, litografias e serigrafias feitas pelo mesmo.  A mostra também está em cartaz no IMS-SP e no Centro Universitário Maria Antonia, na USP.

''Aclamado pela crítica internacional, Sandback compôs, por quase 40 anos, suas esculturas utilizando sempre o mesmo material – fio acrílico de lã colorida. O artista utiliza a linha no espaço para construir, articular e definir situações espaciais particulares. Esticando um fio de um ponto a outro em uma sala, Sandback sugere volumes a partir da interação das linhas com os espaços vazios. O artista cria uma experiência visual única para o espectador, que tem a percepção da obra continuamente alterada à medida que se movimenta. Seu trabalho embaralha os limites entre desenho, escultura e ambiente.'', acrescenta o release presente no site do Instituto.
A mostra tem entrada franca e está em cartaz de terça à sexta, das 13h às 20h e aos sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h. Durante a semana há visita guiada.



Fred Sandback
 
Robert Morris e Donald Judd, destaques do movimento minimalista, são as principais influências de Sandback. Segundo  a curadora da exposição no IMS, Lilian Tone, “o impacto que esses artistas tiveram sobre Sandback pode ser sentido em sua busca por uma forma de escultura desprovida de narrativa ou de sugestões compositivas”.

Sandback expôs em grandes museus e galerias internacionais, como o Art Institute of Chicago (EUA), a Pinakothek der Moderne (Munique, na Alemanha), o Henry Moore Institute (Leeds, na Inglaterra) e o Whitney Museum of American Art (Nova York, nos EUA). Há uma exposição permanente do artista na  Dia: Beacon, em Nova York.

Instituto Moreira Salles fica na Gávea: rua Marquês de São Vicente, nº 476

Programação/ Exposição


Imagem: Divulgação

O Shopping Cidade Copacabana recebe no próximo dia 01, às 19h, a performance dos contemporâneos Deborah Engel, Siri e Franklin Cassaro. Os três estão juntos na primeira edição do projeto gratuito '3 na Rampa'.   

Deborah interage com a arquitetura local por meio de um vídeo. Enquanto ''Siri faz performance tocando ao vivo e interagindo com sua própria obra, tocando instrumentos e regendo a própria instalação.'' Franklin, inspirado nas obras de Lygia Clark, expõe a instalação ''Os infláveis".

Deborah é artista visual e trabalha em parceria com o músico Siri. Já Franklin é escultor performático.

O Shopping Cidade Copacabana fica no bairro homônimo: rua Siqueira Campos, nº 143, 2º andar

Clipe de Domingo

''Os teus olhos são vitrais''

Combinando fado com música erutida contemporânea, o grupo  Madredeus alcançou projeção mundial, em 1994, com o disco "O espírito da Paz". O conjunto português têm 20 anos de carreira e 14 CD's lançados. Pedro Ayres Magalhães (guitarra clássica), Rodrigo Leão (teclados), Gabriel Gomes (acordeão), Teresa Salgueiro (voz) e Francisco Ribeiro (violoncelo), que faleceu este mês, integravam a formação original do conjunto, conhecido por canções como "O Pastor" e "As Brumas do Futuro"

De acordo com informações presentes na Wikipedia, ''as canções do grupo também já foram tema de diversas produções televisivas no Brasil como a minissérie da Rede Globo de Televisão "Os Maias" (2001) (com as canções "Matinal", "Haja o que Houver", "As Ilhas dos Açores" e a canção que se tornou o tema de abertura da referida produção televisiva, a emblemática "O Pastor").''*



*Infelizmente não consegui achar o vídeo oficial da canção no Youtube, logo postei esse que é apenas a canção. Belissíma por sinal.

Música

Novo video de Rihanna cai na rede



O videoclipe da canção "Who's That Chick", da cantora Rihanna, caiu na rede ontem (17). A música foi produzida pelo DJ francês David Guetta e estará no próximo CD da artista, "Loud", que chega às lojas norte-americana no dia 16 de novembro. No dia 27 do mesmo mês, a barbadiana apresenta sua turnê no Rio.

Programação/ Exposição

Hélio Oiticica – Museu é o Mundo


'Macaléia' (1978). Obra: Hélio Oiticica

A mostra 'Hélio Oiticica – Museu é o Mundo' está em cartaz em diversos pontos do Rio e é considerada por seus idealizadores, Cesar Oiticica Filho e Fernando Cocchiarale, a maior já realizada sobre o artistaCerca de 90 obras, além de filmes, fotografias e documentos, foram reunidos para compor a exposição, que está em cartaz simultaneamente no Paço Imperial, na Casa França-Brasil e em instalações na Central, nos jardins do MAM (Aterro do Flamengo), nas Praças XV (Centro) e do Lido (Copacabana) e no Centro Cultural Cartola (Mangueira). 


'Tropicália' (1968). Hélio Oiticica

A Casa França-Brasil recebe os penetráveis “Éden” e “Gal” (1969), PN27 "Rijanviera" (1979); o parangolé “Capa Feita no Corpo” (1968), e os filmes “Agripina É Roma Manhattan” (1972), e “Brasil Jorge” (1972). Já no Paço Imperial, os metaesquemas (séries de desenhos, como “Grupo Frente” e “Pré-neoconcreto"), os relevos espaciais, os parangolés e bólides ocupam todo o primeiro andar do prédio. Os destaques da exposição ficam por conta dos penetráveis “PN 16” (ou “PN Nada”) - exposto na Praça XV; “Éden"- instalado na Casa França-Brasil; e “Bólide Área Água”, - na Praça do Lido.

A mostra gratuita está em cartaz até 21 de novembro e é possível visitar todo o trajeto utilizando transporte gratuito oferecido na Casa França-Brasil, aos sábados e domingos, de 11h30 e 15h30. Informações.

O Paço Imperial e a Casa França-Brasil ficam no Centro: Praça XV, nº 48 e Rua Visconde de Itaboraí, nº 78, respectivamente.
Imagens: Edouard Fraipont

Programação/ Exposição

A prezepopéia


O artista plástico Iuri Casaes apresenta na Galeria de Arte Ibeu a sua primeira individual, intitulada 'A prezepopéia'. Nome este, criado pelo prórpio mesclando os termos 'presepada' e 'epopeia'.

Composta por desenhos e gravuras o conjunto de obras de Iuri 'guardam no exótico de suas aparências a intenção do artista de mostrar uma sociedade que se conduz pelo anarquismo e pela excentricidade.' A mostra fica em cartaz até o próximo dia 01 nos seguintes horários: de segunda à sexta, das 13h às 19h.

A Galeria Ibeu fica em Copacabana: Av. N. S. de Copacabana, nº 690 / 2º andar


Imagem: Divulgação

Programação/ Rio Antigo/ Exposição

(Clique para ler)

Imagem: Divulgação/ Espaço Imaginário

Programação/ Rio Antigo/ Exposição

Eterno Labirinto

"Dentro do caos urbano, vias se multiplicam e se cruzam, formando um emaranhado de sons e caminhos que levam a lugar nenhum."

Raimundo Rodriguez. 'Eterno Labirinto'
Imagem: Divulgação/ Raimundo Rodriguez

O artista Raimundo Rodriguez apresenta seu trabalho a partir da próxima segunda (20), às 19h, na Galeria Espaço Imaginário. De acordo com o release recebido pelo Sete Artes, a mostra "Eterno Labirinto" toma por base a complexidade do nosso cotidiano caótico para nos fazer refletir:
''Luzes artificiais cegam gradativamente e hipnotizam com a mesma velocidade com que estimulam cérebros viciados, ávidos por mais e mais estímulos. Imersos cotidianamente em uma ambiência entrópica, a espetacularização dos objetos leva a “coisificação” das relações humanas. Estamos em um labirinto. E não temos escolhas. A tautologia do dia-a-dia, as facilidades da vida moderna, a meta do desperdício nas políticas econômicas, as guerras inventadas, a banalização da vida, o lucro infinito. Esses são os tijolos das paredes do labirinto citadino.'', exemplifica o texto escrito pela Doutoranda pelo PPGAV-UFRJ, Renata Gesomino.
Raimundo entrelaça o imaginário com as próprias experiências em uma instalação de 3 metros de altura, revestida com madeira antiga e empoeirada, protegida por verniz. Nas paredes, imagens. Essas, se embaralham formando o caos cotidiano. Vozes, cantos, rezas, conversas. Há de tudo na obra do artista. O expectador é transportando por diversos ambientes dentro da instalação.

A Galeria Espaço Imaginário também recebe, no mesmo período, as individuais dos contemporâneos Marcio Zardo e Alê Souto.

O Espaço Imaginário fica na Lapa: Avenida Gomes Freire, nº 457

Programação/ Rio Antigo/ Exposição


(Clique na imagem para ler)

Imagem: Divulgação/ Galeria Imaginário

Programação/ Música

Rihanna na Cidade Maravilhosa

De acordo com informações publicadas no G1,  a cantora Rihanna traz a turnê de seu último álbum - Rated R - para o Brasil em novembro. A série de shows inicia em São Paulo (26), passa pelo Rio de Janeiro (27) e termina em Belo Horizonte (28). Ainda não foram divulgados locais de shows e preço de ingressos.

Imagem: Autoria Desconhecida





Música

VMB 2010

A 16ª edição do Video Music Brasil, o VMB, foi realizada ontem (16) no Credicard Hall, em SP. Dedicada a escolher os melhores do ano de acordo com a preferência do jurí popular, a premiação da MTV também contou com apresentações de artistas nacionais e internacionais. Confira os vencedores:


Clique para ampliar


Ano-Novo/ Rio 2016

Logo oficial das Olimpíadas será apresentada no Réveillon


Manhã de sol em Copacabana. Mais fotos da Cidade Maravilhosa? Clique aqui
Imagem: Chandra Santos

A passagem de ano na 'Princesinha do Mar' terá um gostinho especial. Tudo por conta dos jogos olímpicos de 2016. De acordo com informações da Prefeitura, telões ao longo da orla de Copacabana irão apresentar aos cariocas e ao mundo a logomarca oficial dos jogos.

De acordo com matéria publicada pelo jornal O Dia, hoje (14), "ao todo, os investimentos chegarão a R$ 17,5 milhões e serão bancados, em cotas iguais, por cinco patrocinadores: Petrobras, Coca-Cola, Oi, Bradesco e EBX, de Eike Batista."

Por dentro da festa

Cinco minutos antes da virada os presentes na orla serão contemplados com um show de desenhos de supercanhões de raios laser. Em seguida, às 0h, cerca de 20 toneladas de fogos serão lançados de 11 balsas acompanhado por uma trilha sonora. O show pirotécnico vai abordar o tema 'Seja bem-vinda, Década de Ouro! — boas-vindas aos grandes eventos até 2016'. Durante 20 minutos, o céu carioca será colorido pelos temas Riquezas naturais, União dos povos, Celebração da vida, Simpatia carioca, Paz no mundo, Energia contagiante, O futuro é azul, Apoteose do amor e Aquarela brasileira. Branco, grafite, prata e dourado serão as cores desse réveillon. E para quem pensa que isso já basta, tem uma surpresa nos últimos 30 segundos da queima de fogos. Mas, apenas para os presentes na orla. 

A Riotur estima que o público chegue a dois milhões de pessoas durante o evento.

A festa deste ano promete ser linda! Não perca!

Programação/ Cinema

Hoje tem Cinema e debate na EBA/ UFRJ

Clique no folder para ler. Outras informações

Imagem: Divulgação

Clipe de Domingo

Me acorde quando setembro acabar
 
O hit "Wake Me Up When September Ends" é o quarto single do sétimo CD da banda americana Green Day, 'American Idiot'. Lançada em 2005, a canção levantou dúvidas nos fãs sobre seu verdadeiro sentido. Houve quem relacionasse a música aos atentados de 11 de Setembro - principalmente pelo cenário de guerra apresentado no vídeo. A música tornou-se um tributo as vítimas do furacão Katrina. Mas, na realidade a canção foi escrita por Billie Joe para homenagear o pai, que morreu quando ele tinha apenas 10 anos.

O Green Day é um trio norte-americano que surgiu em 1987. Passando por duas gravadoras, lançaram oito discos e construíram uma carreira sólida. O grupo se apresenta na Barra da Tijuca no dia 15/10, a partir das 22h30.


Musical/ Teatro/ Cinema

Spice Girls só na trilha

As Spice Girls 10 anos depois: as aparências mudaram e a amizade continuou
“Viva Forever”, musical que contará com músicas das Spice Girls na trilha, já está em pré-produção. Mas, engana-se quem pensa em assistir uma biografia ou até mesmo escutar o nome das divas do anos 90. A diretora do musical Judy Craymer - a mesma de Mamma Mia! - descartou essa possibilidade:
“Vivemos em um mundo dominado por pessoas querendo ser famosas. O que as Spice Girls fizeram foi, antes de tudo isso, se tornar o que são e antes do mundo ficar obcecado por esse tipo de programa. Viva Forever irá abranger o espírito das Spice Girls de amizade, identidade e de ser verdadeiro consigo mesmo. Não será um tributo nem uma biografia e nem terá personagens com os nomes de nenhuma das cinco integrantes”, afirmou Judy.
As Spice não participam, mas, ficaram nos bastidores. No final do ano passado elas se encontraram para discutir detalhes do musical, no qual participam ativamente. De acordo com informações coletadas no blog oficial do grupo no Brasil, o show está programado para estreiar em 2012, antes das Olimpíadas.


Literatura/ Consumo/ Programação

Sinara Foss lança livro



A escritora gaúcha Sinara Foss lança seu 1º livro em parceria com a editora Pragmatha de Porto Alegre. 'Divagações de Sissi' conta a história da cachorrinha personagem-título e sua turma de cães e gatos, numa ''aventura que mescla diversão, crítica e um profundo respeito à vida''. Confira uma passagem do livro:
"... Eu estou sempre escutando as conversas das pessoas, fico sentada no meio delas e, assim, participo e aprendo. Aqui na nossa casa, elas tomam chimarrão, que é uma bebida comum no sul do país, onde a gente mora. É uma bebida feita com erva mate e água quente. E enquanto as pessoas fazem a roda do chimarrão, surgem muitos assuntos interessantes. E eu sempre participo! Por isso, sou inteirada das conversas."
Ainda de acordo com o release recebido pelo Sete Artes"a obra tem como um dos objetivos o entretenimento, na medida em que foi escrita com uma linguagem descontraída que agrada tanto adultos como adolescentes e inclusive crianças."
“É um livro pra lazer e cultura, para aqueles que têm no hábito de ler um hobbye, uma diversão”, afirma a escritora Sinara Foss que já escreveu três livros além deste: “Nossas vidas”, “Mulheres” e “Memórias de um cachorro velho”.
E a obra recém-lançada já vem dando o que falar. O Professor de Línguas Portuguesa e Inglesa em Santo Antônio da Patrulha, no Rio Grande do Sul, Márnei Consul afirma:
"O novo livro de Sinara Foss é intenso. Muito. A autora, apaixonado por animais, consegue personificá-los. É como se estivéssemos lidando com pessoas, percebendo suas reações e angústias. Ademais, serve como apoio pedagógico nas escolas, já que aborda temas como trato com os animais, ecocrítica, o que pode ajudar a formar pessoas melhores na futuro",  destaca o mestre.
Quem quiser adquirir a publicação pode entrar diretamente em contato com a artista ou acessar ao site da editora. A obra custa R$ 23. Sinara vai estar na Feira do Livro de Porto Alegre, no dia 12 de novembro, às 14h30. 
 
Imagem: Divulgação/ Sinara Foss 

Programação/ Rio Antigo/ Exposição

Raimundo Rodriguez no Arte de Portas Abertas

Raimundo Rodriguez. 'Carrossel'

A 20ª edição do festival 'Arte de Portas Abertas' termina nesse domingo (12), em Santa Teresa. Essa é a última chance para conferir os trabalhos dos artistas plásticos da região e de convidados. Os ateliês estão abertos à visitação, das 11h às 18h. E se bater aquela fome ainda dá para conhecer o roteiro gastronômico do bairro.


Raimundo Rodriguez. 'Carrossel'

O artista plástico Raimundo Rodriguez expõe a obra 'Carrossel' no quintal do Museu Casa de Benjamin Constant. A instalação tem 2,5m de altura por 4m de diâmetro e é composta por oito cavalinhos de papelão, envelhecidos com verniz e betume. Rodriguez nos remete ao passado ao contemplarmos sua obra. Das bolas de gude nos olhos dos cavalos aos mesmos temos reminicências da infância antiga. Bem diferente dos dias de hoje:
"Há um movimento giratório concêntrico que de maneira vertiginosa nos captura para dentro de um universo já extinto. Aprisionados nessa camada intermediária entre devaneio e realidade, somos levados a caminhar por um chão batido onde a poeira fina se levanta rapidamente envelhecendo ainda mais os banquinhos de praça e o caramanchão verde ao fundo. Nesse cenário bucólico, onde árvores de várias espécies juntam-se ao hermetismo da casa branca do século XIX, encontramos a imagem materializada de uma estrutura deslocada do espaço e do tempo", destaca o release recebido pelo Sete Artes.
"Nos olhos dos oito cavalos vemos um reflexo negro-azulado próprio das bolas-de-gude, um outro elemento que remete a brincadeiras infantis quase que inexistentes nos dias de hoje, ao mesmo tempo em que, nas celas dos cavalos, materiais como os discos compactos – cd´s são incorporados nos trazendo momentaneamente de volta ao espaço-tempo real, num ir e virconstante, moroso", finalisa o texto escrito pela Doutoranda na linha de Pesquisa de História e Crítica da Arte pelo PPGAV-UFRJ Renata Gesomino.

O evento ocorre em Santa Teresa: Rua Felício dos Santos, nº 9,  casa 1
A obra de Raimundo Rodriguez está exposta no Museu Casa de Benjamin Constant: rua Monte Alegre, 255

Pesquisar este blog

assine nossa newsletter!