Pular para o conteúdo principal

Fechando o ano de 2014, a Galeria do Ateliê abre dia 19 de dezembro, a exposição Efígie, coletiva dos fotógrafos

ISMAR INGBER

Ateliê da Imagem não funcionará de 22 de dezembro à  4 de janeiro de 2015
ANA STEWART -- ARLETE SOARES - BRUNO VEIGA - CELINA PORTELA - DANIELA DACORSO - EDU MONTEIRO - EDU SIMÕES - FABIAN - FABIO CARVALHO - FABIO SEIXO - FREDERICO DALTON - ISMAR INGBER - JOAQUIM PAIVA - JOSÉ CALDAS - KITTY PARANAGUÁ - MARCO ANTONIO PORTELA - MARCOS BONISSON - PITI TOMÉ - RENAN CEPEDA - ROGÉRIO REIS e VICENTE DE MELLO
Curadoria de Marco Antonio Portela
Visitação até 28 de fevereiro de 2015
Entrada franca

Para discutir as preocupações estéticas e os diálogos propostos com o tema Efígie, a Galeria do Ateliê inaugura dia 19 de dezembro, às 19h a mostra coletiva Efígies, com a participação de vinte e um fotógrafos contemporâneos mais importantes da atualidade que, ora se aproximam, ora se afastam desse conceito de representação, trazendo frescor e abrindo vias para análises poéticas distintas.

Segundo  Marco Antonio Portela, “temos, então, nesse espectro diverso, propositores de imagens procurando, cada um a sua forma, pensar como transfigurar aquilo que nos é mais próximo: nossa própria simulação imagética. Partindo do pressuposto que sempre nos reconhecemos representados em toda e qualquer imagem humana, o autorretrato tornaria -se dispensável. No entanto, ele está cada vez mais presente, e fica difícil imaginar sua ausência em tempos de tantos selfies”

Lembrando que esta galeria está inscrita dentro de uma escola de imagem, não tememos correr o risco que assinalava Platão sobre jovens miradas: “quem é novo não é capaz de distinguir o que é alegórico do que não é”. Vamos procurar nos ver além do retrato, além do que somos, vamos nos perpetuar como uma efígie.
A exposição fica até dia 28 de fevereiro de 2015
Entrada franca
SERVIÇO
Galeria do Ateliê inaugura Efígie - coletiva dos fotógrafos:
Ana  Stewart – Arlete Soares – Bruno Veiga . Celina Portella – Daniela DaCorso – Edu Monteiro – Edu Simões – Fabian -  Fabio Carvalho – Fabio Seixo – Frederico Dalton – Ismar  Ingber – Joaquim Paiva – José Caldas -  Kitty Paranaguá – Marco Antonio Portela – Marcos Bonisson – Piti Tomé – Renan Cepeda – Rogério Reis e Vicente de Mello
Abertura dia 19 de dezembro 19h
Visitação até dia 28 de fevereiro de 2015
Entrada franca
Horários: Segunda a sexta de 10h às 21h | Sab de 10h às 17h
Livre
Ateliê da Imagem Espaço Cultural
Avenida Pasteur, 453, Urca
Tel: 21 2541 3314



Assessoria de imprensa
Eli Rocha 

ATENÇÃO!!!
Oferta exclusiva do Sete Artes!
Atenção! Desconto exclusivo Sete Artes e Dafiti! Use o código af0M2C nas suas compras em http://oferta.vc/617R e ganhe descontos exclusivos! Até 10 de janeiro de 2015!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

A origem do Modernismo brasileiro, por chandra santos

"Abaporu": obra deu origem ao Movimento Antropofágico
Imagem: Tarsila do Amaral
As ideias surrealistas vieram para o Brasil na década de 1930 e foram absorvidas pelo movimento Modernista. A pintora Tarsila do Amaral e o escritor Ismael Nery foram os mais influenciados. Além deles, a escultora Maria Martins, o pintor pernambucano Cícero Dias, o poeta Murilo Mendes e os escritores Aníbal Machado e Mário Pedrosa também acrescentaram elementos surreais em suas obras.
A Semana de 22 foi o ápice do movimento Modernista no Brasil. Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Víctor Brecheret, Plínio Salgado, Anita Malfatti, Menotti Del Pichia, Guilherme de Almeida, Sérgio Milliet, Heitor Villa-Lobos e Tarsila do Amaral são algumas das personalidades que estiveram presentes no evento ocorrido nos dias 13, 15 e 17 de fevereiro no Teatro Municipal de São Paulo. Considerada um marco na arte brasileira, por propor a ruptura com o passado, a Semana de 22 revolucionou a Literatura, a música, a pin…

"A Aventura Surrealista", por chandra santos

Já está à venda o livro "A Aventura Surrealista" , do ensaísta e artista plástico Sergio Lima. A obra conta a história e a influência do surrealismo na arte moderna brasileira, entre 1901 e 1920.
Quem se interessou pelo tema, pode adquirir a publicação anterior, de 1995, que aborda as vertentes formadoras do movimento surrealista. O artista pretende lançar mais duas obras: uma sobre os anos 1921-30 e outra com antologia do surrealismo no Brasil.

Imagem: Reprodução de Internet




Feliz Dia do Amigo

O Sete Artes deseja a todos um Feliz Dia do Amigo!!!!






 (Clique para ampliar)
Saiba a origem da data aqui.

Siga @chandrasantos no Twitter e retuíte frases de amizade para os seus amigos!
Imagem: Autoria Desconhecida





Curiosidades

O que são Belas Artes?
por chandra santos
Definir arte é uma tarefa complexa, que varia de acordo com as transformações culturais e o contexto histórico. Segundo o filósofo Charles S. Peirce, fundador da Semiótica, a principal função das artes é expressar os estados de consciência humana. Partindo dessa definição, terapeutas e psicólogos passaram a usá-las como parte de tratamentos. A psiquiatra brasileira Nise da Silveira fundou o "Museu de Imagens do Inconsciente" com obras feitas por seus pacientes durante a terapia ocupacional.

São consideradas Belas Artes: Arquitetura; Pintura; Escultura; Música; Literatura; Teatro e Dança; e Cinema. A divisão e o termo foram criados pelas academias de arte europeias, no século XVII, com o objetivo de separar as artes em duas classificações. Segundo artigo publicado na Wikipédia, eram consideradas, até o século XIX, como artes "superiores" as Belas Artes e como artes "inferiores' as Artes Aplicadas.

"As belas arte…

Programação/ Artes Visuais (SP)

Exposição PARAISO na Galeria André

Entre os dias 16/08 e 11/09, a Galeria André recebe a mostra PARAISO, inciando um novo ciclo do centro cultural. Participam da mostra André Crespo, Clarice Gonçalves, Eduardo Kobra, João César de Melo, Luiza Ritter, Marco Stellato, Paulo Queiróz, Rafael Resaffi e Rodrigo Cunha. A mostra tem curadoria de Sônia Skroski.
De acordo com release recebido pelo Sete Artes: "Artistas novos foram procurados com empenho, indicações, visitas aos ateliers, análise de obras, um verdadeiro garimpo. E desta procura foram selecionados 9 artistas que farão parte da exposição PARAISO. O tema abrange além do que nossa imaginação pode chegar. Os artistas vão expor obras inéditas, criadas especialmente para a mostra. A escolha dos artistas demonstra jovialidade das obras e dos artistas. O tema foi escolhido para proporcionar aos artistas uma performance peculiar e densa dentro do universo de cada um."
Conheça: texto: Assessoria de Imprensa da Galeria André
André Cresp…